Connect with us

Politize-se

Crise política atinge o grupo de Cordélia em seu 13º dia de governo

Redação Painel em Pauta

Publicado em

A manhã desta quarta-feira (13), foi tomada pela crise política que atingiu o grupo político da prefeita de Eunápolis.

Insatisfações, ausência do reconhecimento por aqueles que caminharam com fidelidade, até a revolta por nomeações de pessoas ligadas ao ex-prefeito, Robério Oliveira (PSD), trouxe uma crise política no grupo de Cordélia no dia em que ela recebe o ex-prefeito de Salvador e presidente nacional do Democratas, ACM Neto.

Matéria Saiu na Mídia. (Foto: Reprodução)

O site Saiu na Mídia Bahia, noticiou em sua capa, “A Prefeita Cordélia está perdendo o encanto da sereia”, segundo o veículo, os apoiadores estão decepcionados com a situação de verem pessoas ligadas a Robério Oliveira sendo nomeadas. Ainda na matéria foi dito que, “A luta dos dapezistas foi grande por todos esses anos, o sistema dos fraternos era perverso, era sem chance de defesa para os adversários”.

Matéria A Gazeta Bahia. (Foto: Reprodução)

A Gazeta Bahia em sua capa noticiou que, “O maior blogueiro de Cordélia Torres se revolta, solta o verbo, e diz que a prefeita perdeu o encanto”, referindo-se à publicação do Saiu na Mídia Bahia. Na matéria vinculada pela A Gazeta, o editorial destacou que, “O blogueiro Neto Peixoto, um dos braços direito de toda pré-campanha e da campanha da prefeita de Eunápolis, Cordélia Torres. Um dos poucos que se doou diuturnamente em prol do projeto político do grupo dapesista, resolveu soltar o verbo e criticar de forma dura, a postura da nova gestora”.

Nomeação de Robson Lopes Souza, ao cargo em comissão de Coordenador de Obras Públicas. (Foto: Reprodução Diário Oficial do Município)

A crise no grupo político de Cordélia se desencadeou, depois de sair a nomeação na edição do diário oficial do município, ontem (12), onde o Sr. Robson Lopes Souza, irá exercer o cargo em comissão de Coordenador de Obras Públicas, da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos. Segundo alguns membros do grupo político da prefeita, Robson, faz parte do grupo de Robério Oliveira.

Na live realizada na última segunda-feira (11), Cordélia falou sobre o descontentamento de algumas pessoas do seu grupo, quanto a permanência de alguns servidores públicos da gestão passada ainda continuarem no seu governo, “Ai tem muitos questionando porque ainda tá, gente que é ligado ao ex-prefeito trabalhando, a máquina não pode parar, eu disse que a minha gestão, não é uma gestão de perseguição, eu disse que a minha gestão é uma gestão acolhedora, eu disse que a minha gestão é uma gestão de olhar as pessoas técnicas, responsáveis, comprometidas. Não votou em mim paciência, mas é uma pessoa séria, competente, trabalha bem, corresponde, ô beleza…”, pontuou a prefeita sobre os questionamentos.

Ainda sobre o assunto Cordélia disse que a conversa é uma só, não é para agradar ninguém, “A minha conversa ela é uma só, agradando ou não ela é uma só, não tô aqui para agradar ninguém, eu tô aqui para fazer o que é certo” disse a prefeita de Eunápolis, que seguiu relatando que tem muita gente indo no gabinete pedir emprego.

Advertisement
Clique para Comentar

Envie uma Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *