Connect with us

Notícias

IBGE: volume de vendas no varejo nacional aumentou 1,2%

Publicado em

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgou que, em julho de 2021, o volume de vendas no varejo nacional aumentou 1,2% em relação ao trimestre anterior, em uma base com ajuste sazonal. Este é o quarto aumento consecutivo neste indicador, e o volume de vendas do Ministério do Comércio atingiu o nível recorde histórico da série histórica da PMC desde 2000.

Na comparação com o trimestre encerrado em junho, a média móvel trimestral avançou 1,1% (2,2%). Na série livre de influências sazonais, o comércio varejista avançou 5,7% frente a julho de 2020, quinto aumento positivo consecutivo. O índice acumulado atingiu 6,6% no ano, e o acumulado ficou em 5,9% nos últimos 12 meses.

No comércio varejista ampliado – que inclui veículos, motos, partes e peças e material de construção – o volume de vendas cresceu 1,1% frente a junho de 2021.

 

  • A média móvel ficou em 0,7%, abaixo da média móvel de junho (1,6%).
  • O acumulado no ano foi para 11,4% e o acumulado em 12 meses (8,4%).
  • Cinco das oito atividades avançaram, na série com ajuste sazonal.

 

Segundo a nota divulgada pela entidade e realizada por especialistas do IBGE, a alta de 1,2% no volume de vendas do varejo, em julho de 2021, na série com ajuste sazonal, foi acompanhada de taxas positivas em cinco das oito atividades, com destaque para: Outros artigos de uso pessoal e doméstico (19,1%); Tecidos, vestuário e calçados (2,8%); Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (0,6%); Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (0,2%) e Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (0,1%).

 

E de acordo com a divulgação, as atividades que tiveram recuo no volume de vendas de junho para julho foram: Livros, jornais, revistas e papelaria (-5,2%); Móveis e eletrodomésticos (-1,4%) e Combustíveis e lubrificantes (-0,3%).

Advertisement
Clique para Comentar

Envie uma Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *